Cachoeira da Mata

Este slideshow necessita de JavaScript.

Esta é uma cachoeira bem escondida, o seu acesso é pela estrada de terra que leva a Corredeira, suas águas são cristalinas e repletas de pequenos peixes  que encanta quem percorre o leito de seu rio. Porém, chegar até a queda d´água não é uma tarefa simples, aliás, exige um tanto de coragem e disposição.

É preciso deixar de lado a bicicleta, e encarar o único caminho possível de se fazer,  descer um  ângulo próximo 90 graus e levando muito mato no peito e na cara, ainda bem que existe uma bela exuberante natureza ao redor, pois o que pode parecer empecilho  na verdade ajuda na descida,  tem que apoiar em raízes, caso contrário, escorrega-se para baixo e as lesões são certas.

Apesar de alguns percalços conseguimos chegar em baixo da cachoeira apenas com uns arranhões e espinhos encravados na pele, o que não é nada se comparado com o refrescante banho que nos foi proporcionado. Sem falar na tranquilidade que existe ao redor e a sensação de estar de estar em um lugar especial, frequentado por pouquíssimas pessoas.

A subida de volta foi um pouco mais fácil do que parecia, porque a  primeira vista parece que você está em um lugar onde não existe caminhos para subir  e pegar as bikes para retornar, porém, olhando melhor e ao começar a escalar onde parecia possível, percebemos que não era um bicho de sete cabeças, isso não quer dizer que o bicho não pode ter umas duas ou três cabeças quem sabe.

Rudi Arena

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s