PirambaCop melhores momentos

Este é um vídeo com os melhores momentos já registrados pelo PirambaCop, como é apelidado carinhosamente o drone usado pelo Piramba MTB para gravar as imagens incríveis das belezas da região de Garça. São cenas de cachoeiras, da Igreja da Cia Inglesa, e também de muito pedal.

ALGUMAS DAS CACHOEIRAS MAIS FANTÁSTICAS DO MUNDO

Sem dúvida alguma, as cachoeiras estão inclusas nas listas de paisagens e belezas naturais mais fantásticas do planeta. Espalhadas pelo mundo todo, cada uma tem a sua peculiaridade, a sua forma magnífica. Mergulhar nelas pode dar uma sensação de liberdade, de contato com a natureza ou apenas de refrescância. Pensando em te mostrar as 15 mais belas, altas, iradas, radicais, enfim fantásticas do mundo, o Blog da Kanui fez uma grande pesquisa e selecionou as top’s. Aprecie e comente qual você mais gostou:

1. Cachoeira Seljalandsfoss, Islândia

Foto: bombseat.com

A Cachoeira Seljalandsfoss é uma das cachoeiras mais famosas da linda Islândia. Ela se localiza no sul da ilha, perto de uma estrada que dá acesso à cidade de Selfoss. Com uma queda aproximada de 60 metros de altura e com a parte de baixo oca, é possível atravessar a cachoeira e vê-la por um ponto de vista diferente, como na foto. Sem dúvidas, uma das cachoeiras mais bonitas do mundo! Incrível!

2.Victoria Falls – Zimbabwe e Zâmbia

Foto: hdwallpaper.com

Considerada a cachoeira mais larga do mundo,Victoria Falls está localizada no sul do continente africano e as suas maiores quedas chegam a 130 metros de altura. O local foi “descoberto” em 1855 por um escocês chamado David Livingston, que o nomeou como “Victoria”, a então rainha do Reino Unido.

3. As Ilhas Faroé – Entre A Noruega e a Islândia

Foto: designext.com

As Ilhas Faroé são territórios que estão sob os domínios da DinamarcaO arquipélago possui 18 ilhas e esta que apresenta uma das cachoeiras mais bonitas do mundo, chama-se Vágar e, além da deslumbrante queda d’água, tem um vilarejo isolado da civilização. Fantástico!

4. Cataratas do Iguaçu, Brasil e Argentina

Foto: api.ning

As Cataratas do Iguaçu são um dos pontos turísticos mais visitados do sul do Brasil e da Argentina, já que está na divisa dos dois países e cada um possui uma parte do território. As cataratas tem cerca de 275 quedas e estão entre as 7 maravilhas naturais do mundo moderno.

5. Multnomah Falls, Oregon

Foto: calxibe.com

Multnomah Falls é uma das quedas d’água mais fantásticas do território estado-unidense e fica no estado de Oregon. Uma ponte localizada bem em frente a ela é o diferencial e o que permite uma das visões mais deslumbrantes de uma beleza natural como essa.

6. Pearl Shoal Waterfall, Sichuan na China

Foto: Divulgação

Localizada na província chinesa de Sichuan, as cachoeiras Pearl Shoal apresentam uma forma diferente e por isso tão chamativa. Raramente fica fora das listas das cachoeiras mais bonitas do mundo.

7. Gullfoss, Hvítá River na Islândia

  Ao longo do rio Hvitá, somente a 7 km de GeysirGullfoss é uma das cachoeiras mais bonitas da Islândia. Gullfoss significa “Cachoeira de Ouro”,e fica a 5 minutos de caminhada de um estacionamento. Duas quedas d’água menores no topo levam a uma enorme cascata em formato de L com 21 metros de altura, em um desfiladeiro de 2,5 km de comprimento.

8.  King George Falls, Austrália

KingGeorge Falls é uma das quedas d’água mais fantásticas da Austrália e do mundo. A “cachoeira dupla” tem uma queda ininterrupta de 80 metros e desemboca em um belo riacho.

9. Cachoeira Skogafoss, Islândia

Foto: littlefairytaleprincess

Há alguns quilômetros da primeira cachoeira da nossa lista, está outra maravilha islandesa: A cachoeira de Skogafoss. Localizada no rio Skoga, o qual tem dezenas de cachoeiras ao longo do seu percurso, Skogafoss cai sobre as belas falésias e atrai turistas de toda a Europa. Não poderia ficar fora de nossa lista das cachoeiras mais bonitas do mundo, não é mesmo?

10 – Kaieteur Falls, Guiana

Foto: assets3

Guiana, nossa vizinha sul-americana, entra na lista com a Kaieteur, que é uma das cataratas que mais produzem volume de água no mundo, fazendo 663 metros cúbicos por segundo. É a 123ª mais alta do ranking, com 226 metros de altura e deságua no rio Potaro, na região central da Guiana. De acordo com a “bíblia” das cachoeiras, a Kaieteur é a 26ª mais bela do planeta.

11 – Cataratas do Niágara, NY, Estados Unidos e Ontário, Canadá

Cataratas do Niágara congeladas e seu show de luzes em NY! Foto: api.ning

Localizadas entre os Estados Unidos e o Canadá, as cataratas do Niágara sempre estão presentes nas listas das cachoeiras mais belas, fantásticas, bonitas do mundo. As suas quedas d’água chegam em até 385 metros de altura, sendo uma das mais altas do planeta e também uma das mais extensas.

12. Large Waterfall – Plitvice Lakes National Park, Croatia

Foto: Divulgação

No Parque Nacional Croata de Plivtice, é possível encontrar uma série de mais de 15 quedas d’água em diferentes altitudes e profundidades. No verão, o local fica sempre cheio de visitantes e suas belas quedas, das mais diferentes cores, como podemos ver nas fotos, não poderiam ficar de  fora da nossa lista.

13. Angel Falls, Venezuela

Foto: photorator

A Cachoeira conhecida mundialmente como Angel Falls é a mais alta do mundo. O pico atinge 980 metros de altura e a sua queda mais alta chega a 807 metros. O local é de difícil acesso e muito isolado das cidades povoadas na Venezuela, mas a paisagem é simplesmente espetacular!

14. Ban Gioc–Detian Falls – China e Vietnã

Foto: Divulgação

Uma das cachoeiras mais bonitas do mundo, com uma série magnífica de quedas d’água, fica entre a China e o Vietnã. O local é conhecido como Ban Gioc-Detian Falls e apesar de suas cachoeiras terem apenas 98 pés está entre as mais lindas aos olhos de todos os expectadores ao redor do mundo.

15. Palouse Falls, Washington EUA

Foto: thrillist

Que visual hein! Seja nos dias de tempestade ou nos dias de céu aberto, a cachoeira conhecida como Palouse Falls, na capital norte-americana Washington, é uma das mais fantásticas do mundo, sem dúvidas. Fonte: KANUI

Coletânea das Cachoeiras de Garça

O vídeo é uma seleção de fotos de mais de 40 cachoeiras localizadas em Garça-SP e em seu entorno. Muitas são cachoeiras desconhecidas da própria população do município. Essa foi uma forma de demonstrar em poucos minutos a extensão e encanto das belezas naturais que existem na região e que o Piramba teve o prazer de registrar ao longo de sua história.

Mapa das Cachoeiras de Garça-SP

Aqui você pode conhecer cada cachoeira de garça através dessa ferramenta super interessante desenvolvida pelo Piramba MTB que é um mapa com o cadastro todas as cachoeiras que já registramos em Garça-SP.

Tutorial do Mapa das Cachoeiras de Garça:

  • Clique duas vezes para abrir o Mapa das Cachoeiras, cada ícone do Piramba corresponde a uma cachoeira.
  • Dê um zoom e escolha um ícone que logo aparecerá o nome da cachoeira.
  • Se quiser saber mais, clique que vai aparecer a foto da cachoeira e o link para obter mais informações sobre ela.

Obs: essa é uma ferramenta em construção, algumas cachoeiras estão pendentes de inclusão no mapa.

Para conhecer um saber um pouco mais sobre as belezas naturais de Garça visite nossas páginas e siga nossas redes sociais:

1Cachoeira das Araras
2Cachoeira do Arco
3Cachoeira do Banespinha
4Cachoeirinha da Bomba
5Cachoeirinha do Borrachudo
6Cachoeira do Carcará
7Cachoeira dos Macacos (Cipó)
8Cachoeira da Constroli
9Cachoeira Copaíba
10Cachoeira da Deusa
11Cachoeira do Entorno da Geladeira
121ª Cachoeira da Enseada
132ª Cachoeira da Enseada
14Cachoeira da Hípica / Aranhas
15Cachoeira da Igurê
16Cachoeira do Tubo
17Cachoeira Encontro Tubo
18Cachoeira do Cantu
191ª Cachoeira da Cascata (Cascatinha)
202ª Cachoeira da Cascata (Cascatona)
21Cachoeira dos Escravos
22Cachoeiras da Geladeira
232ª Cachoeira da Geladeira
24Cachoeira do Marangão
25Cachoeira da Mata
26Cachoeira do Paredão
272ª Cachoeira do Paredão
28Cachoeira da Pedra
29Cachoeira do Pneu
30Cachoeira Pico da Queda
31Cachoeira do Quebra-Tudo
32CACHOEIRA SANTA CECILIA
33Cachoeira São Matheus 1ª Queda
34Cachoeira São Matheus 2ª Queda
35Cachoeira das 2 Quedas
36Cachoeira do Tassio Natureza
371ª Cachoeira da União
382ª Cachoeira da União
39Cachoeira do Urubu
40Cachoeira Vigilancia
411ª Cachoeira Vigilancia
422ª Cachoeira Vigilância
433ª Cachoeira Vigilância
44Cachoeira dos Bandeirantes
451ª Cachoeira da 09 de julho 9 (Roça Grande)
462ª Cachoeira da 09 de julho 9 (Roça Grande)
473ª Cachoeira da 09 de julho 9
48Cachoeiras de São Pedro
492ª Cachoeira da Mata
503ª Cachoeira da União
512ª Cachoeira Copaíba
522ª Cachoeira do Entorno Santa Marcela
53Cachoeira Santa Marcela
542ª Cachoeira Santa Marcela
551ª Cachoeira do Entorno Santa Marcela
56Cachoeira da Faz. da Gávea
57Cachoeira Rosa 2ª Queda
58Cachoeira Estrela 2ª Queda
59Cachoeira Rosa 1ª Queda
142Cachoeira de Oriente
143Cachoeira da Fazenda Floresta
144Cachoeira de Águas de Santa Bárbara
246Casca Dantas
247Fundão
248Maria Augusta
351Cachoeira da Real (Cunha-Parati)

Matéria sobre o Turismo em Garça com Participação do Piramba MTB (TV Record)

Dia 27/12/2019 foi veiculado no programa Balanço Geral do interior, exibido pela TV Record e  dentro da série “Expedição ao Interior”,  uma reportagem que trata da nossa querida cidade de Garça-SP, muito estimada pelo Piramba MTB, pois é ela que proporciona as iradas trilhas e as belas cachoeiras que tanto desfrutamos.

Logo, esta matéria de TV que enaltece os atributos turísticos do município, foi motivo de grande alegria para nós. Ainda mais, porque sempre batemos na tecla do grande potencial de ecoturismo que é subestimado no local,  tamanha são as beleza naturais que existem  escondidas em seus diversos vales e grotões.

Tem mais, contribuímos em um pequeno trecho do vídeo em que nosso grande amigo Pirambeiro Vicente Concessa é entrevistado  e ao fundo aparecem outros pirambeiros com  suas magrelas em seu habitat natural. A breve participação do Piramba MTB surge a partir dos 5 minutos do vídeo.

Vale a pena conferir toda a matéria que mostra a tranquilidade do Jardim Japonês, a beleza do Bosque das Cerejeiras, e os atrativos do Lago Artificial J. K. Willians como um todo, tem ainda o encanto do Hipismo com provas do tambor e  as cavalgadas em meio a natureza.

Isso não é tudo, aqui também é lugar de muitas trilhas e ao menos  80 cachoeiras para quem quiser se aventurar em algo mais radical, só o Piramba MTB já visitou e registrou cerca de 40 na região e depois consolidou essas informações no mapa abaixo.  Nessa questão, a mãe natureza foi muito generosa com Garça e seu entorno. E vou além, existe ainda um outro atrativo local que vem despertando interesse, é a observação de aves, pois para quem gosta do tema a região é um prato cheio.

E não é só, tem também várias florestas, desde de mata atlântica, de mogno africano, de eucaliptos e seringueiras, e ainda muitos cafezais espalhados.  Sem contar o potencial para explorar a rica história do município ligada a cultura cafeeira, e o legado deixado em várias de suas tradicionais fazendas de Café. É uma região muito associada a esta cultura, e um lugar em que 80% de sua produção é voltada para exportação do café tipo arábica, considerado superior.

Assim, alguns cafeicultores de Garça já trabalham para fazer cafés especiais,  e também para o reconhecimento de identidade geográfica  para agregar valor ao produto local, e assim quem sabe se tornar uma referência no tema.  Pensando mais longe, porque não criar uma Rota do Café, para visitar as belas plantações, as antigas fazendas  e quem sabe também ter estrutura para degustar cafés nobres.

Não é algo impossível, pelo contrário, e isso poderia ser uma boa forma do município alavancar sua economia, tanto ao agregar maior valor ao Café produzido aqui, como  também com o Ecoturismo e o Turismo Rural, se fizer um elo entre essas duas coisas com sustentabilidade, Garça só tem a ganhar.

Um ótimo ANO NOVO a todos com muita saúde e paz sobretudo, e que as realizações e alegrias se multipliquem, sempre com muito respeito a vida, ao meio ambiente e as pessoas. Para o Piramba MTB que seja um ano de muita atividade, com muito pedal, fortalecimento das amizades e bastante contato com a natureza.

Rudi Arena

 

 

 

 

Cachoeira nº 2 do Vale da Graça em Vera Cruz-SP

No complexo de cachoeiras do sítio Vale da Graça no Município de Vera Cruz-SP fica a cachoeira Dedo de Deus ou nº 2, pois ali existe outras 5 quedas d´água. Um lugar incrível com tirolesa, mirante, piscina e muito mais. É um lugar que o Piramba MTB ainda não conhecia e por isso mesmo não poderia deixar de  conferir. O valor da entrada para passar o  todo o dia é de apenas R$10,00, compensa muito  conhecer este lugar. É possível ir de carro ou de bike. Vera Cruz-SP fica localizada entre os municípios de Marília-SP e Garça-SP.

O interessante é que o local é estruturado para receber visitantes, é um empreendimento que vem bem a calhar, pois a demanda de pessoas interessadas por eco-turismo na região é grande e o potencial turístico é enorme, o que falta são mais lugares como este na região.

O sitio Vale da Graça e seu entorno  é muito bonito, assim como a estrada no meio de uma serra que é preciso percorrer para chegar até lá. O acesso é através do trevo da cidade de Vera Cruz, tem que pegar a saída para a Escola Agrícola, mas logo no início já é preciso virar a direita e seguir por um caminho de terra paralelo a rodovia SP-294 em direção a Marília-SP, logo depois existe uma placa que indica que é a esquerda o cainho para o sítio Vale da Graça.

É uma estrada de cerca de uns 5 km até o destino final, mas não se pode dizer que é de fácil acesso, em alguns trechos o terreno  é um pouco ruim, começa tranquilo no meio de um cafezal, do lado oposto da cidade, mas em seguida a pirambeira dá as caras, é praticamente só descida e tem ao menos duas curvas bem perigosas. Após chegar na propriedade rural, é preciso ainda seguir por trilhas até as cachoeiras. Para quem gosta de natureza é um prato cheio para se fartar a vontade e a um bom preço em relação ao benefício que proporciona.

Rudi Arena

 

DSC00082

IMG_20190323_165232000

DSC00105

DSC00086

 

DSC00119

DSC00120

Trilha de Sepituba X Bonete – Ilha Bela – SP

Ilhabela é um dos únicos municípios–arquipélagos marinhos brasileiros e é localizado no litoral norte do estado de São Paulo, microrregião de Caraguatatuba. A população aferida pelo IBGE no Censo de 2010 era de 28 196 habitantes, e a área é de 347,5 km², resultando numa densidade demográfica de 81,13 hab/km². A população estimada pelo IBGE para 1 de julho 2015 era de 32 197 habitantes, resultando numa densidade estimada de 92,65 hab/km².[3]

Possui uma das mais acidentadas paisagens da região costeira brasileira, com todas as características de relevo jovem. Com o aspecto geral de um conjunto montanhoso – formado pelo Maciço de São Sebastião e Maciço da Serraria, além da acidentada Península do Boi –, a Ilha de São Sebastião se destaca como um dos acidentes geográficos mais elevados e salientes do litoral paulista, tendo como pontos culminantes o Pico de São Sebastião, com 1379 metros de altitude; o Morro do Papagaio, com 1307 metros; e o Morro da Serraria, com 1285 metros.

Banhado pelo oceano Atlântico, o município está localizado a 135 quilômetros da capital e a 140 quilômetros da divisa com o estado do Rio de Janeiro. Está situada um pouco ao sul do Trópico de Capricórnio, que passa sobre a cidade vizinha de Ubatuba.
Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ilhabela

Mapa das Cachoeiras de Garça

Em um trabalho inédito, está em construção uma plataforma fácil e interessante, é o mapa das cachoeiras já catalogadas pelo PIRAMBA MTB, e para isto contamos com a contribuição fundamental de nosso amigo Thiago Bulho, que trabalhou arduamente no desenvolvimento deste projeto. Primeiramente, relacionei em uma planilha  as mais de 40 cachoeiras que já visitamos, depois foi preciso identificar a localização aproximada de cada uma no google maps, na qual contamos com a preciosa colaboração de Luis Eduardo(Rabicó), para só depois acrescentar as fotos e os links do lugar.  O trabalho é bem extenso e ainda não foi concluído, ainda assim, não deixa de ser uma boa ferramenta para quem quer conhecer mais sobre as cachoeiras de nossa região. Para acessar, é só clicar no link abaixo: http://piramba.com/mapas/cachoeiras.html

São dezenas de cachoeiras cadastradas nas proximidades de Garça-SP, a grande maioria com fotos e links relacionados. Assim, é possível ter ideia da quantidade das belezas naturais que existem por aqui.  Como as localizações das diversas cachoeiras, cuja a região foi mais que agraciada para alegria e contemplação de alguns de seus conterrâneos, pois o acesso é difícil, a maioria por dificuldade de trilha, ou caminho para chegar. Outro problema é a falta de autorização do proprietário rural.

Ainda há muito para se construir, mas já é um começo, um ponto de partida para que no futuro tenhamos quem sabe o dobro de cachoeiras catalogadas. Sabemos que não conhecemos nem metade das cachoeiras de Garça, por isso o trabalho é  lento, mas também progressivo,  diria até que é quase impossível catalogar todas elas, tamanha a extensão deste tipo de trabalho.  Mas quando idealizamos esta ferramenta, foi no intuito de divulgar e reunir em só lugar  e assim facilitar o acesso a todas as cachoeiras que conhecemos. Embora seja algo pequeno, é uma forma de divulgar a existência delas e as informações poderão ser utilizadas para diversos fins, particulares, turísticos, científicos ou  quem sabe mesmo para a preservação ambiental.

Não é só essa novidade, também esta em fase de desenvolvimento o site http://www.piramba.com, uma espécie de portal  para reunir todo o conteúdo já produzido pelo PIRAMBA. Outra ferramenta interessante pode ser consultada em http://piramba.com/trilhas.html, lá é possível já visualizar o trajeto de várias trilhas já percorridas pelo PIRAMBA MTB, mas por enquanto, só foi registrada uma pequena quantidade de outras dezenas. É possível também consultar alguns animais que já encontramos na região, veja o link: http://piramba.com/mapas/animais.html

Tanto os mapas das cachoeiras, das trilhas e dos animais, é possível clicar em cima dos ícones ou então acessar a lista nominal clicando no quadrado com uma seta que fica canto superior esquerdo dos mapas. Para abrir em tela cheia, clicar no quadrado do canto superior direito .

Compartilhar um conteúdo singelo deste, é um pequeno passo para que possamos ter a consciência da importância e a dimensão de nossos bens naturais que estão a nossa volta, para quem saiba um dia, isso possa colaborar para preservação de nossas minas e nascentes, que por consequência ajude também na preservação dos córregos e cachoeiras que encontram-se tão degradas em relação ao que era, antes da ação do homem,  e mesmo em relação ao legislação ambiental exige atualmente. Logo, é comum vermos o assoreamento dos leitos, muitas vezes por ausência de mata ciliar, o que deprecia o patrimônio natural. Muito embora,  somos privilegiados pela nossa remanescente mata atlântica, que diferente de outros municípios, ainda temos muitos lugares em que existem  água corrente limpa e  matas preservadas, o que é, foi e sempre será, a fonte inesgotável de  inspiração e motivo de existência do PIRAMBA.

E por fim, alimentamos a esperança de que ao divulgar as riquezas naturais que temos, podemos ajudar a  criar um ambiente propício para que as instituições públicas, sociedade civil e proprietários de imóveis rurais se convençam de que há potencial para o ecoturismo para a região, a demanda por natureza existe, se alguém comprar a ideia e der certo, futuramente outros poderão investir no ramo também, foi assim em outras cidades, mas é preciso haver um pontapé inicial.   E para  tirar proveito da magnífica natureza, necessário também cuidar do que temos de mais valioso, que  nada do mundo pode construir, mas que para destruir não precisa de cerimônias. Pois enquanto em algum lugar do país pequenas áreas de matas são restauradas, o que leva anos e anos, em outro canto do Brasil, vastos territórios continuam sendo desmatados sem dó, nem piedade. Uma guerra entre os homens e a natureza em que as estatísticas não são nada favoráveis a última.

Rudi Arena