Tamanduá-Mirim Morto na Rodovia

Não faz muito tempo que postamos fotos de um Guaxinim encontrado morto na estrada, agora recentemente e praticamente no mesmo local, também tivemos a infelicidade de encontrar um tamanduá-mirim (Tamandua tetradactyla) sem vida também. Este parente do bicho preguiça e que parece vestir um colete preto é de uma beleza peculiar.

Foi só mais um de muitos que morrem assim diariamente, vítima de atropelamento, e isso é indício de que neste local muitos animais silvestres tentam cruzar a rodovia ao sair da Fazenda Igurê, lugar em que a fauna é abundante, uma vez que tem muitas matas e represas, e é um ambiente propício para os bichos.

Nunca tínhamos avistado qualquer tamanduá na região e quando encontramos um, estava morto. Preferia não tê-lo visto, mas ao menos sabemos que tamanduás-mirins estão a nossa volta e que este ponto específico da rodovia SP-294 deveria ser objeto de preocupação das autoridades competentes no intuito de minimizar a ocorrência de atropelamento de animais silvestres.

Ao menos pintar faixas nas pistas, colocar placas para reduzir velocidade e também para indicar a ocorrência de animais, já seria um bom começo e é uma medida de baixo custo que poderia alertar os motoristas. O ideal mesmo, seria uma passagem subterrânea, mas esta medida é de difícil implantação por ser bem mais onerosa. De qualquer forma, alguma atitude deveria ser adotada, caso contrário vai continuar o baralho de sangue de cartas marcadas.

Rudi Arena

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s