Mata da Igurê – Noite e Dia

Mata da igurê é sempre a mata da Igurê, ou seja, um pedal que apesar de tradicional e frequente, nunca enjôa fazer novamente. É sempre muito bom pedalar por uma trilha que corta uma mata atlântica remanescente e ainda por cima finaliza com uma cachoeira já é um tanto cativante. O caminho nunca está igual, porque a natureza sempre muda,e cada dia surgem novos obstáculos naturais, o que acaba dando um gostinho a mais de aventura.

Porém, é preciso cuidado, são muitas armardilhas no caminho, tocos camuflados, buracos ou a vegetação que invade a caminho e nos obrigada a diminuir a velocidade de forma brusca e inesperada para evitar que nos machuquemos. Mesmo assim, acidentes as vezes acontecem , pois são os riscos inerentes às descidas rápidas em terreno acidentado e com muitos obstáculos pelo caminho, assim como, é o preço a se pagar pela adrenalina proporcionada.

Neste dois vídeos editados com irreverência peculiar do Thiago Bulho, tanto o noturno como o á luz do dia, é possível perceber a magia que existe de pedalar na mata, para sentí-la mesmo, só andando por ela. A noite então nem se fala, tem uma atmosfera diferenciada, é uma emoção diversa do que fazer qualquer outra trilha noturna, existe um clima sômbrio, os perigos são maiores pois a visão é restrita, além disso, ouvir os sons dos animais de hábitos noturnos na penumbra da noite dá um toque especial ao rolê.

Rudi Arena

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s